Bem Vindo

segunda-feira, 22 de maio de 2017

GRUPO JBS A CORRUPÇÃO COMPENSA ? LAVA JATO NELES...



O Supremo Tribunal Federal (STF) divulgou há pouco a íntegra da delação premiada dos empresários Joesley e Wesley Batista, donos do grupo JBS, controlador do frigorífico Friboi. A medida foi tomada após o ministro Edson Fachin homologar os depoimentos, firmados com a Procuradoria-Geral da República (PGR). São cerca de 2 mil páginas. As oitivas foram gravadas em vídeo.

Ontem (18), após retirar o sigilo dos depoimentos, o STF divulgou o áudio gravado pelo empresário Joesley Batista em uma reunião com o presidente Michel Temer. A prova faz parte da investigação que foi aberta contra o presidente na Suprema Corte. Também foram citados os senadores Aécio Neves (PSDB-MG) e Zezé Perrella (PMDB-MG), além da ex-presidenta Dilma Rousseff e o ex-ministro Guido Mantega.

fonte:http://agenciabrasil.ebc.com.br/politica/noticia/2017-05/delacao-de-donos-da-jbs-e-divulgada-pelo-stf-e-tem-cerca-de-2-mil-paginas.http://agenciabrasil.ebc.com.br/politica/noticia/2017-05/delacao-de-donos-da-jbs-e-divulgada-pelo-stf-e-tem-cerca-de-2-mil-paginas


Entra em vigor a lei que aperta o cerco contra corruptos e corruptores.(2014)



Pela primeira vez, as empresas serão punidas por corrupção em contratos com a administração pública. A cobrança de propina deixará de ser problema exclusivo de funcionários.
A chamada lei anticorrupção estabelece que: as multas podem chegar a 20% do faturamento anual bruto, quando não for possível determinar o faturamento, o valor pode ir de R$ 6 mil a R$ 60 milhões; as empresas correm o risco de ficar sem contratos com municípios, estados e a união e sem empréstimos de bancos públicos; em caso de reincidência, podem até ser fechadas; e as punições estão previstas mesmo se a empresa desconhecer o envolvimento de seus funcionários com corrupção.

A legislação, que começou a valer hoje, cerca os dois lados do problema: o do corrupto, que aceita fraudar contratos, e o do corruptor, que oferece a propina. É uma mudança de paradigma que coloca em jogo o patrimônio dos empresários para garantir que o dinheiro desviado seja ressarcido.
A lei prevê penas mais duras para empresas que forem negligentes no combate à corrupção e atenuantes para aquelas que denunciarem o problema e colaborarem com investigações.
O promotor Arthur Pinto de Lemos Júnior, que investiga crimes financeiros, destaca que a nova legislação não atinge apenas o caixa, mas também a imagem das empresas, porque as condenações serão divulgadas. “A publicação dessas decisões condenatórias, de forma a informar a sociedade os atos infracionais praticados por elas e, ao mesmo tempo, o mesmo fato deverá ser levado à apreciação do poder judiciário que poderá impor uma pena capital, uma pena de morte a essas pessoas jurídicas. Elas deixam de existir”.
 fonte:http://g1.globo.com/jornal-da-globo/noticia/2014/01/entra-em-vigor-lei-que-aperta-o-cerco-contra-corruptos-e-corruptores.html

quinta-feira, 18 de maio de 2017

XI Encontro Brasileiro de Palácios, Museus-Casas e Casas Históricas




XI ENCONTRO BRASILEIRO DE PALÁCIOS, MUSEUS-CASAS E CASAS HISTÓRICAS


Heranças culturais: testemunhos materiais e imateriais no museu-casa histórica
São Paulo, 10 a 12 de junho de 2017
Itu, 17 de junho de 2017


Tradicionalmente, todos os anos, desde 2007, palácios e museus-casas históricas brasileiros reúnem-se em São Paulo com o objetivo de refletir sobre temas importantes para melhorar as boas práticas nessas instituições.
O XI Encontro Brasileiro de Palácios, Museus-Casas e Casas Históricas, concomitante às comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, oferece ações culturais que incluem conferências, debates, música e literatura, além das tradicionais visitas a museus-casas na capital paulista. Trata-se de uma oportunidade de reexaminar as nossas tradições e raízes históricas, desde os povos indígenas, a chegada dos portugueses e, ao longo do tempo, o fluxo de imigrantes de diversas partes do mundo e das migrações internas entre as regiões brasileiras, sob a perspectiva dessas heranças no museu-casa histórica – do patrimônio arquitetônico às coleções e à imaterialidade a eles associada.

E, a partir das casas históricas transformadas em museus, o tema deste ano promove uma reflexão sobre “Heranças culturais: testemunhos materiais e imateriais no museu-casa histórica”, estruturado em dois eixos conceituais de discussão.
a. Bagagem cultural e os fluxos migratórios. O Brasil é um país miscigenado, fruto da interculturalidade dos fluxos de migração, desde a época do seu descobrimento. As marcas estão nas feições das pessoas, na língua falada e escrita, nos hábitos e costumes, nos modos de fazer, nos objetos e nas habitações. Os museus-casas constituem espaços ricos dessa memória de vidas humanas, considerando que esses ambientes, outrora habitados, evocam histórias individuais e coletivas, articuladas na relação entre a casa, as coleções e os personagens, em seus distintos tempos. Considerando que os acervos representam, muitas vezes, o legado de grupos humanos, de grande simbologia para as comunidades, como essa herança é apresentada e como ela pode fazer a diferença nos tempos atuais?
b. Escolhas: o que lembrar e o que esquecer? Nesses espaços, cada porta aberta revela um universo de acontecimentos que vão além das questões de gosto e da dinâmica cotidiana de quem ali um dia viveu, incluindo relações culturais, afetivas e de poder. O que revelar ao visitante é, portanto, um grande desafio, pois envolve a exteriorização de aspectos da vida privada dos personagens, algumas vezes conflitantes com sua imagem pública. Como os museus-casas enfrentam os desafios de contar essas histórias?
Esta 11ª edição do evento dialoga com o tema proposto pelo Conselho Internacional de Museus – ICOM para 2017, “Museus e histórias controversas: dizer o indizível em museus”, que propõe ações de mediação da paz e de diálogo entre os povos. Enquanto testemunhos materiais e imateriais da vida em sociedade, os museus-casas estão no centro desse debate, apresentando-se como importantes espaços de interlocução, minimizando barreiras de compreensão entre as pessoas.
fonte:http://www.acervo.sp.gov.br/encontro2017_.html

Inscreva-se aqui
Inscrições gratuitas até 25 de maio. Vagas Limitadas. * Inscrições sujeitas à seleção, divulgação dos selecionados em 26 de maio 2017

DIA INTERNACIONAL DOS MUSEUS - ICOM - PARTICIPE VISITE UM MUSEU.



O Dia Internacional dos Museus foi criado em 1977 pelo ICOM – Conselho Internacional de Museus, como um momento especial para a comunidade mundial dos museus. Neste dia, os museus participantes interpretam um tema relacionado às instituições culturais. O Dia Internacional dos Museus é uma oportunidade maravilhosa para os profissionais de museus aproximarem-se de seus públicos e divulgarem o papel dos museus para a sociedade. Em 2012, 32.000 museus de 129 países de cinco continentes participaram do evento.
O tema do Dia Internacional de Museus de 2013 é museus (memória+criatividade)=mudança social.
Nossa rica herança patrimonial, que é preservada e divulgada pelos museus, associada à vitalidade e inventividade que a área de museus tem apresentado nos últimos anos, são as maiores forças dos museus. Conciliar a tradicional missão de conservação da memória com a criatividade necessária para sua renovação e crescimento dos públicos: essa é o processo que os museus assumem com a convicção de que podem transformar a sociedade de maneira construtiva.
Otimista, o tema sob a forma de uma equação reúne de maneira dinâmica diferentes conceitos essenciais para definir o museu hoje, coloca em destaque sua natureza universal e a influência positiva que exerce na sociedade. Resume também os desafios enfrentados pelos museus, que experimentam e reiteram sua missão de contribuir para o avanço e integração das comunidades.
Para auxiliar na organização e desenvolvimento de eventos ligados ao tema, sugerem-se cinco subtemas:
  • Estruturas de educação não formal: O museu educa de maneira lúdica; é um lugar onde se apresenta a cultura e se favorece o conhecimento através de meios constantemente renovados.
  • Um espaço social arraigado em seu território: O museu tem um papel de identidade e dinamismo de um território. Por meio de suas ações contribui para a valorização do passado de seu território e na construção de seu futuro.
  • Um vínculo entre gerações: Os museus mantêm a relação entre a comunidade e sua história viva. São espaços de diálogo entre diferentes gerações.
  • Uma apresentação contemporânea do patrimônio: Os museus foram capazes de rapidamente aproveitar as novas formas de comunicação e mediação que quebraram com a imagem de um lugar ultrapassado, fora de moda.
  • Práticas inovadoras para melhorar a conservação: Os dispositivos de conservação melhoraram e o museu se tornou um verdadeiro laboratório onde as técnicas de trabalho evoluem continuamente
Mais informações podem ser obtidas em http://imd.icom.museum ou em http://network.icom.museum/international-

terça-feira, 16 de maio de 2017

LEI CHICO ANYSIO: Ceará Terra do Humor BEM CULTURAL DE NATUREZA IMATERIAL.





Humor e alegria desenharam a tarde desta segunda-feira (17), quando o governador do Ceará, Camilo Santana, sancionou o Projeto de Lei que denomina “Ceará, Terra do Humor” como Bem Cultural de Natureza Imaterial. Intitulada Lei Chico Anysio, em homenagem ao intérprete maranguapense, a lei, de autoria do deputado estadual Bruno Pedrosa, foi comemorada por humoristas do Estado em solenidade no Palácio da Abolição.

De acordo com o chefe do Executivo, a lei vai fortalecer a política cultural do humor num estado que traz grandes nomes do segmento, como Renato Aragão e Tom Cavalcante, além do humorista de 209 personagens, Chico Anysio. “O Ceará tem um humor diferenciado, gostoso e único, e, com esta lei, nós queremos valorizá-lo, levando os humoristas para mais próximo das pessoas. Além da terra da luz, o Ceará passa a ser, também, a terra do humor”, somou o governador.


Autor da Lei Chico Anysio (Lei N.º 220/15), aprovada em abril último, o deputado estadual Bruno Pedrosa reforça o papel da regulamentação como incentivo não só para os humoristas do Estado, como para o turismo cearense. “Levar o nome Chico Anysio, que foi o precursor do humor, não só cearense, como brasileiro, faz com que a gente tenha mais responsabilidade de incentivar os humoristas, incentivar o humor, até porque ele tem um papel preponderante no turismo cearense”, afirmou o parlamentar.


A sanção da Lei Chico Anysio veio como batismo para o humorista e filho do intérprete do professor Raimundo, André Lucas. “Colocar o nome do meu pai é uma coisa muito especial porque ele faz parte disso. Nenhum humorista do mundo interpretou mais personagens, que mais falou do Ceará. Maranguape, por exemplo, ficou nacionalmente conhecida por causa da Escolinha do Professor Raimundo”, rememora. Parafraseando o pai, agraciado em 2012 com a Medalha da Abolição, ele sorri: “Ceará não é um estado, é um cartão postal”.


Estiveram presentes na cerimônia, também, o diretor do Teatro Chico Anysio e presidente da Associação Cearense dos Humoristas, Jader Soares (o Zembrinha); a superintendente regional do Iphan no Ceará, Geovana Cartaxo; o prefeito de Maranguape, João Paulo Xerez; além de humoristas cearenses, como Lailton Rocha (Lailtinho Brega), Iran Delmar (o Coxinha), Antônio Fernandes (Skolástica), entre outros.
 
Fotos: Carlos Gibaja e Tiago Stille / Governo do Ceará

fonte:http://www.ceara.gov.br/sala-de-imprensa/noticias/20214-ceara-terra-do-humor-governador-camilo-santana-sanciona-lei-chico-anysio

segunda-feira, 15 de maio de 2017

LEI DE REGULAMENTAÇÃO OPERADOR TELEMARKETING EM BANHO MARIA - SENADOR PASTOR VALADARES(PDT-RO)


Internet

Internet
A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) volta a examinar em 2017 o projeto de lei que regula as atividades de teleatendimento e telemarketing. Em novembro, a CAS promoveu um debate sobre o texto, mas não foi alcançado consenso sobre os principais pontos.
A proposta (PLC 12/2016) define a jornada de trabalho contínuo limitada a 6 horas diárias e a 36 horas semanais. No caso de trabalho em tempo parcial, o limite da jornada será de 4 horas diárias e 24 horas semanais.
O Projeto de Lei da Câmara exige ainda que, a cada período de 50 minutos, o profissional de telemarketing e teleatendimento tenha um intervalo de 10 minutos para descanso. Esses intervalos deverão ocorrer fora do posto de trabalho.
Outra determinação é que o trabalho seja organizado de forma a evitar atividades aos sábados, domingos e feriados. Se não for possível, haverá compensação por meio de pelo menos um repouso semanal remunerado coincidente com um sábado e domingo a cada mês. Ficará proibida, ainda, a prorrogação da jornada de trabalho, exceto em casos de força maior, necessidade imperiosa ou conclusão de serviços inadiáveis.
Parecer favorável
O relator na CAS, Pastor Valadares (PDT-RO), apresentou parecer favorável ao projeto. Em sua avaliação, a regulamentação da atividade ajudará a preservar a saúde e a integridade dos trabalhadores do setor.
Estudo publicado pela Revista Brasileira de Medicina do Trabalho indica que os principais fatores de estresse desses profissionais são a alta demanda qualitativa e quantitativa, o grande volume de informações a ser manipulado, a necessidade de executar o trabalho dentro de um determinado tempo médio de atendimento, a existência de fila de espera e relações conflituosas. Casos de cistite, gastrite e pressão alta são frequentes entre os trabalhadores do setor.
— O presente projeto, uma vez aprovado, trará maior proteção a esses trabalhadores e segurança jurídica, em especial, em relação à sua jornada normal de trabalho, períodos de descanso, bem como ao trabalho em tempo parcial e aos domingos e feriados — aponta o relator.
O projeto, que foi apresentado pelos deputados Jorge Bittar (PT-RJ) e Luiz Sérgio (PT-RJ), ainda aperfeiçoa a definição da profissão, deixando claro que esses profissionais realizam a atividade de telecomunicação com clientes e usuários para a oferta, venda, propaganda, marketing de serviços, cobrança e outros.


Internet - Deputado Federal Ademir Camilo
PROJETO DE LEI Nº        , DE 2013 (Do Sr. Ademir Camilo)
Dispõe sobre a regulamentação do exercício da profissão de operador de telemarketing
O Congresso Nacional decreta:
Art. 1º. Considera-se operador de telemarketing (teleatendimento), para os efeitos desta Lei, o profissional que esteja classificado sob o código 4223 da Classificação Brasileira de Ocupações, aprovada pela Portaria nº 397, de 9 de outubro de 2002, do Ministério do Trabalho e Emprego, membro da categoria profissional dos trabalhadores em telemarketing, ainda que sob nomenclatura distinta.

PORQUÊ TANTA DEMORA ? ESTAMOS VIVENDO NA ESCRAVIDÃO.

domingo, 14 de maio de 2017

Wanna Cry ataca Em Fortaleza.



O Ceará foi afetado pelo ataque cibernético que alcançou, até a noite de ontem, cerca de 100 países. Com receio do vírus de resgate (ransomware), que sequestra dados das empresas e cobra de US$ 300 a US$ 600 em bitcoins (moeda digital) para resgatá-los, empresas e órgãos públicos mudaram suas rotinas para não serem atacados. A expectativa é que o número de computadores infectados aumente nos próximos dias e especialistas indicam meios de proteção.

Como o alvo do malware são empresas e órgãos públicos, conforme O POVO apurou, Pague Menos, Edson Queiroz, Vivo, Contax, Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) no Ceará e Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) desligaram seus sistemas para evitar entrar nas estatísticas do vírus apelidado WanaCrypt0r 2.0 ransomware ou WannaCry - que pode ser traduzido como quero criptografar e quero chorar.
Por volta das 9h de ontem, o ataque atingiu a Telefônica na Espanha, detentora da Vivo no Brasil, o que afetou computadores que estão na rede corporativa da empresa. “Imediatamente, foi ativado o protocolo de segurança para tais incidentes com a intenção de que os computadores afetados voltem a funcionar o mais rapidamente possível. A Telefônica Brasil informa que seus serviços não foram afetados pelo incidente”. Na Contax, funcionários foram orientados a desligar seus computadores, conforme O POVO apurou, mas a empresa não confirma.
A moeda bitcoin é livre e descentralizada. Não existe órgão responsável por definir e controlar sua emissão. Tudo acontece pela rede P2P, responsável por gerenciar as transações, confirmações e geração de moedas. O site UseBitcoins traz uma lista de onde gastar a moeda. Um bitcoin valia ontem US$ 1.636,77.
fonte: http://www.opovo.com.br/jornal/economia/2017/05/ciberataque-tem-impacto-no-ce-saiba-como-se-proteger.html
 

sábado, 13 de maio de 2017

FEIRA DA JOSÉ AVELINO É CASO DE SAÚDE PÚBLICA.


internet

O prefeito Roberto Cláudio manteve a decisão de encerrar as atividades da feira da José Avelino mesmo após recomendação do Ministério Público do Ceará (MP-CE). O órgão orientava o gestor municipal a não realizar a remoção devido ao risco de confronto com os feirantes.
"Estamos recomendando o prefeito que não leve a efeito o encerramento da José Avelino no dia 14 até a gente amadurecer a ideia, discutir todo o processo. Porque a situação está te", explicou o promotor de Justiça Raimundo Batista.
Em resposta à recomendação do MP-CE, o prefeito Roberto Cláudio se pronunciou nesta quinta-feira, 11.
"O que estamos fazendo não é nada judicial, mas administrativo. O mesmo membro do MP que obriga a Prefeitura (através de um Termo de Ajustamento de Conduta) a retirar a feira, recomenda evitar a retirada. Recomendação é recomendação e nós vamos manter o último dia de feira no domingo (14). Uma coisa é a recomendação, outra é uma ação", afirmou o prefeito. 

O CENTRO É CASO DE SEGURANÇA NACIONAL.