Bem Vindo

terça-feira, 30 de setembro de 2014

III FESTIVAL CUCA INDEPENDENTE - REDE CUCA







A Rede Cuca apresenta a terceira edição do Festival Cuca Independente, que será realizado entre os meses de 
outubro e novembro nos três Cucas (Barra, Jangurussu e Mondubim). Poderão participar do Festival bandas independentes de Fortaleza e Região Metropolitana, com trabalho autoral. Os interessados terão até 30 de setembro para efetuarem suas inscrições, por meio de formulário disponível no site da Rede Cuca (http://www.fortaleza.ce.gov.br/redecuca). Nele, além das informações sobre a banda e o seu representante, haverá campos de preenchimento para links de fotos, músicas, vídeos e repertório.

Os materiais enviados serão analisados por uma curadoria, eleita pela Comissão Organizadora, composta por três convidados da área musical da cidade e por dois representantes da Rede Cuca. Ao final da seleção, serão escolhidas 35 bandas, que se apresentarão no III Festival Cuca Independente, que acontecerá nos três Cucas (Barra, Mondubim e Jangurussu). A relação das bandas selecionadas será divulgada no dia 13 de outubro de 2014, no site da Rede Cuca.

O Festival tem por objetivo valorizar e difundir a música autoral cearense, promovendo um intercâmbio entre as bandas independentes locais, além de incentivar a criatividade musical dos jovens e revelar novos talentos. O III Festival Cuca Independente também tem por objetivo contribuir com a formação dos jovens por meio da promoção de cursos e oficinas voltadas para temas específicos do segmento da música.


Serviço:

III Festival Cuca Independente
Inscrições: 01 a 30 de setembro de 2014, através do site da Rede Cuca: www.fortaleza.ce.gov.br/redecuca
Mais informações.: facebook.com/redecuca

E-mail: festivalcuca@gmail.com

Mafalda 50 anos- Pare o Mundo que eu quero descer - QUINO - Joaquin Salvador Lavado.





Mafalda foi uma tira escrita e desenhada pelo cartunista argentino Quino. As histórias, apresentando uma menina (Mafalda) preocupada com a Humanidade e a paz mundial que se rebela com o estado atual do mundo, apareceram de 1964 a 19731 , usufruindo de uma altíssima popularidade na América Latina e Europa.

Mafalda foi muitas vezes comparada ao personagem Charlie Brown, de Charles Schulz, principalmente por Umberto Eco em 1968 2 .
A personagem, cujo nome foi inspirado pela novela Dar la cara, de David Viñas, e alguns outros, foi criada em 1962 para um cartoon de propaganda que deveria ser publicado no diário Clarín. No entanto, Clarín rompeu o contrato e a campanha foi cancelada.

Mafalda somente se tornou um cartoon de verdade sob a sugestão de Julián Delgado, na época o editor-chefe do hebdomadário Primera Plana e amigo de Quino. Foi publicado no jornal de 29 de Setembro de 1964, apresentando somente as personagens de Mafalda e seus pais, e acrescentando Filipe em Janeiro de 1965. Uma disputa legal surgiu em Março de 1965, e assim a publicação acabou em 9 de Março de 1965.

Uma semana mais tarde, dia 15 de Março de 1965, Mafalda começou a aparecer diariamente no Mundo de Buenos Aires, permitindo ao autor cobrir eventos correntes mais detalhadamente. As personagens Manolito e Susanita foram criadas nas semanas seguintes, e a mamãe de Mafalda estava grávida quando o jornal faliu em 22 de Dezembro de 1967.

A publicação recomeçou seis meses mais tarde, em 2 de Junho de 1968, no hebdomadário Siete Días Illustrados. Como os quadrinhos tinham que ser entregues duas semanas antes da publicação, Quino era incapaz de comentar as notícias mais recentes. Ele decidiu acabar com a publicação das histórias em 25 de Junho de 1973.

Desde então, Quino ainda desenhou Mafalda algumas poucas vezes, principalmente para promover campanhas sobre os Direitos Humanos. Por exemplo, em 1976 ele fez um pôster para a UNICEF ilustrando a Declaração Universal dos Direitos da Criança.

Na Cidade de Buenos Aires existe uma praça chamada Mafalda 3
Mafalda: A personagem principal, uma menina de seis anos de idade, que odeia sopa e adora os Beatles e o desenho Pica-Pau. Ela se comporta como uma típica menina na sua idade, mas tem uma visão aguda da vida e vive questionando o mundo à sua volta, principalmente o contexto dos anos 60 em que se encontra. Tem uma visão mais humanista e aguçada do mundo em comparação com os outros personagens.
Papá (Pelicarpo, 29 de Setembro de 1964): O pai trabalha numa companhia de seguros, adora cultivar plantas em seu apartamento e entra em crise quando repara na sua idade.
Mamã (Raquel, 6 de Outubro de 1964): Típica dona de casa, não completou os estudos (por isso é vista como medíocre pela Mafalda), entra em conflitos com a filha quando prepara sopas e macarrão.
Filipe (Felipe) (19 de Janeiro de 1965): Um sonhador que odeia a escola, mas que frequentemente trava intensas batalhas com sua consciência e seu senso nato da responsabilidade. Foi inspirado pelo jornalista Jorge Timossi, um amigo de Quino.
Manolito (Manuel Goreiro "Manelito") (29 de Março de 1965): O filho de um comerciante, mais preocupado com os negócios e dinheiro do que com outra coisa, não gosta dos Beatles e é um estudante que tira notas baixas (menos em matemática, por causa das contas que aprende no mercado do pai). Representa o conservadorismo capitalista na obra, apenas pensando no lucro do armazém de seu pai. Também adora inflações dos preços, pois assim acha que está lucrando.
Susanita (Susana Beatriz Clotilde Chirusi) (6 de Junho de 1965): Uma menina fútil. Seu único objetivo na vida é encontrar um marido rico e de boa aparência quando crescer e ter uma quantidade de filhos acima da média. É uma grande fofoqueira e egoísta, e sempre encontra um jeito de falar sobre o vizinho do irmão da cunhada de alguém.
Guille "Gui" (Guillermo, "Guilherme") (1968): O irmão caçula da Mafalda, esperto para sua idade, é retratado como uma criança que começa a perceber o mundo.
Miguel "Miguelito" Pitti: Amigo de Mafalda, um pouco mais jovem do que os outros. Filho único, com um personalidade única, mas com um coração enorme. Miguelito tem dificuldade de compreender o que Mafalda pensa, sempre entendendo os conselhos de sua amiga de maneira literal. Além disso é um personagem egocêntrico, que parece achar que o mundo gira à sua volta.
Liberdade (Libertad) (15 de Fevereiro de 1970): Uma minúscula menina. Todos fazem o comentário óbvio sobre seu nome. Gosta das coisas simples da vida e seus pais são jovens idealistas, a mãe é tradutora, o pai trabalha em um "empreguinho", por isso moram em um pequeno apartamento.

Burocracia: É a tartaruguinha dada por seu pai a Mafalda e Guile. Foi batizada por Mafalda por ser tão vagarosa, só aparece a partir do livro "as férias da Mafalda".



Quino é o nome artístico de Joaquín Salvador Lavado, que nasceu em 1932 em Mendoza, no oeste da Argentina. Assim como sua personagem, ele veio de uma família de classe média. Começou a desenhar influenciado por um tio pintor e publicou sua primeira tira em 1954. Exilou-se em Milão, na Itália, em 1976 por conta da situação política de seu país, que se encontrava sob ditadura militar. Mais tarde, passou a viver entre Madrid --tornou-se cidadão espanhol em 1990-- e Buenos Aires. Neste ano, ganhou o Prêmio Príncipe das Astúrias. O júri destacou o valor educacional e as características universais de sua obra.


segunda-feira, 29 de setembro de 2014

A MULHER MAIS BONITA E SIMPÁTICA DO BRASIL É CEARENSE - MELISSA GURGEL - MISS BRASIL 2014

Miss Brasil 2014 - Melissa Gurgel








video
video
Vídeo: Programa Café.com.jornal - BAND - Sempre a serviço da Comunidade.

CADERNOS DO LEPAARQ - ANTROPOLOGIA,ARQUIOLOGIA e PATRIMÔNIO.






O periódico Cadernos do LEPAARQ está realizando chamada para trabalhos, os
quais podem ser submetidos na forma de artigo, relatório, resenha, ensaio
visual e projeto. Os trabalhos podem ser enviados até o dia 31 de dezembro
para publicação no primeiro semestre de 2015. Normas de publicação podem
ser conferidas através do site da revista em:

Atenciosamente

Rafael Guedes Milheira
UFPEL

sábado, 27 de setembro de 2014

Twyla and Aretha Franklin - Que Vozeirão - Demais,demais e demais infinitamente...

TWYLA  AND  ARETHA FRANKLIN





Vídeo: Encontro com Fátima Bernardes - TV GLOBO - Sempre a serviço da comunidade.

video

Alphonse Penaud - E A PAIXÃO PELO AEROMODELISMO .



Aeromodelismo
               
O Percuror,Alphonse Penaud Nascido na França, Penaud queria seguir carreira militar, mas foi atacado por reumatismo muscular, sendo obrigado a usar muletas. Gostava de matemática e de resolver problemas relacionados a vôo.

Em abril de 1870 inventa o motor a elástico com tiras retorcidas. Eis suas palavras: "Procurando utilizar a força extraordinária da borracha, tive a idéia de usar a sua elasticidade, pró torção, que pode fornecer 130 quilogrâmetros por quilo. É menos que o calculado para a distenção simples, mas a torção permite uma aplicação mais fácil, a rotação das hélices, evitando qualquer transformação do movimento, simplificando enormemente a construção. Veio-me a idéia de aplicar este mecanismo na propulsão de um aparelho do gênero aeroplano... mas esbarrei com uma enorme dificuldade: o equilíbrio. Felizmente, ao fim de alguns estudos, imaginei um dispositivo muito simples que satisfazia ao objetivo desejado. Trata-se de um pequeno leme horizontal inclinado para cima... e para obter o equilíbrio lateral, bastou inclinar ligeiramente as asa para cima (diedro) ou simplesmente, elevar as respectivas extremidades... e para compensar o binário da hélice, torci a empenagem para um lado...".

No início de 1871, Penaud construiu o primeiro modelo a elástico de uma série que denominou Planophore. Possuia uma hélice propulsora simples montada após "os estabilizadores automáticos" (como ele chamava a empenagem). Este modelo voava muito bem e estabeleceu o desenho básico dos modelos atuais.

Penaud foi aclamado ao demonstrar o vôo do seu Planophore em agosto de 1871, em Paris, nos jardins de Tuileries para os membros da Sociedade Francesa de Navegação Aérea. Voou 60 metros de distância a 20 metros de altura em 13 segundos.

O modelo a elástico que Penaud projetou, construiu e voou em 18 de agosto de 1871, nos jardins de Tuileries em Paris, foi o primeiro aeroplano que efetuou um vôo livre estável. Os membros da Sociedade Francesa de Navegação Aérea afirmaram na época que Penaud foi também o precursor das máquinas de voar.

O modelo de Penaud que impressionou sobremaneira os membros da Sociedade Francesa de Navegação Aérea, era uma máquina muito simples. A fuselagem era constituída de uma vareta de madeira dura medindo 500 x 3 x 3 mm de comprimento. A asa tinha uma envergadura de 460 mm, o estabilizador era um losango medindo 150 mm de comprimento e 64 mm de largura, o leme era igual a metade do estabilizador. O material utilizado foi o bambu, a hélice era bi-pá, montada na parte traseira da fuselagem. era feita de madeira torcida, tinha 150 mm de diâmetro e era impulsionada por duas tiras de borracha de 5 x 1 mm de secção.

O modelo, pronto para voar, pesava 16 gramas, sendo que cinco gramas eram devidos ao peso da borracha. Este modelo de Penaud, o "Planophore, foi a primeira máquina mais pesada que o ar, a voar com eficiência. Penaud também construiu em 1870, um helicóptero. Este era constituído de duas varetas, que abrigavam entre elas, duas tiras de borracha, que impulsionavam, por tração, duas hélices, uma em cada extremo das varetas.


Em 1955, a Comissão Internacional de Aeromodelismo, em homenagem póstuma, deu o nome de Afonso Penaud a taça oferecida pela FAI a equipe vencedora do Campeonato Mundial de "Wakefields".
125 Anos de Aeromodelismo - Ferdinando Faria






Vídeo: Encontro com Fátima Bernardes - TV GLOBO - Sempre a serviço da Comunidade.

video


sexta-feira, 26 de setembro de 2014

A FELICIDADE NO TRABALHO É POSSÍVEL ?

FELICIDADE NO TRABALHO

UM TEMA COMPLEXO

HAJA DEBATE...

E A FLEXIBILIDADE ONDE FICA ?











video
Vídeo: Como Será ? TV GLOBO - Sempre a Serviço da Comunidade

LAR TORRES DE MELO : JOSÉ RAMOS TORRES DE MELO - SEREIA DE OURO 2014





A história do Lar começou em 1905, quando foi fundado com o nome de Asilo de Mendicidade do Estado do Ceará. Tinha a missão de assistir os pobres que vinham fugidos da seca. Com o fim da longa estiagem, muitos voltaram para o interior, ficando apenas os mais idosos que não tinham como retornar. Em 1979 a instituição passou a ser chamada de "Lar Torres de Melo", em homenagem ao seu primeiro presidente, o líder maçônico José Ramos Torres de Melo. Hoje, a casa é dirigida por seu filho, Francisco Batista Torres de Melo. A Instituição recebe recursos do governo estadual, federal e municipal, conta também com doações de voluntários.




Atualmente, no Lar Torres de melo vivem ali 240 idosos abandonados ou que as famílias não tem como cuidar. A maioria é do interior. São aceitas pessoas a partir de 60 anos idade. Elas têm assistência 24h de uma equipe com cerca de 80 profissionais, entre eles médicos, enfermeiros, terapeutas ocupacionais, nutricionistas, psicólogos e assistentes sociais.

 Fonte :http://ltmelo.spaceblog.com.br/207131/Historia-do-Lar


video
Vídeo;BOM DIA CEARÁ - TV VERDES MARES - Serpre a Serviço da Comunidade.

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

EXPOSIÇÃO : PÁSSAROS BRASILEIROS - CAMPOS TIÊTA - CREA-CE - CENTRO CULTURAL

EXPOSIÇÃO - PÁSSAROS BRASILEIROS
CAMPOS TIÊTA

Abertura: 30 de setembro de 2014 - 19 h 30 m 

Visitação
01/ a 20 de outubro de 2014
Segunda a sexta  9 h às 12 h  e 14 h  às 17 h

CREA-CE / CENTRO CULTURAL

RUA CASTRO E SILVA 81 - CENTRO - FORTALEZA - CE





DR.ª GLAURA FÉRRER DIAS MARTINS - CARDIOLOGISTA CEARENSE - SEREIA DE OURO 2014

Troféu Sereia de Ouro 2014

Glaura Férrer Dias Martins, uma das maiores autoridades brasileiras no campo da cardiologia, a Dra. Glauca Férrer Dias Martins é também natural do Município de Lavras da Mangabeira, onde nasceu, aos 26 de outubro de 1933, como fruto da união de Guiomar de Holanda Cavalcanti com Anselmo Teixeira Férrer, ela natural do Município de Pereiro, e ele descendente de antigas famílias do Município de Lavras da Mangabeira. Por via materna é neta de Maria de Holanda Cavalcanti e de Adelino de Holanda Cavalcanti e, por via paterna, de Maria Teixeira de Araújo e do Coronel Vicente Férrer de Araújo Lima. Seu avô paterno, registre-se, possuía ascendência nos Gomes Leitão, sendo bisneto do Vitorino Gomes Leitão e de Joana Batista de Jesus, neto de Pedro Ribeiro Campos e de Ana Maria Bezerra e Filho de Ana da Luz do Sacramento e de Antônio Raimundo Duarte.



 A Dra. Glaura Férrer Dias Martins iniciou os seus estudos em sua cidade natal, transferindo-se posteriormente para Fortaleza e aqui se diplomando médica pela Universidade Federal do Ceará, aos 27 de dezembro de 1958. Ainda como estudante, exerceu as funções de monitora da Faculdade por onde se graduou, bem como as de Acadêmica Plantonista do extinto Samdu, atividades que desempenhou de 27 de janeiro a 27 de dezembro de 1958. Posteriormente, realizou diversos CURSOS de pós-graduação na área de sua especialidade, a clínica cardiológica, da qual, aliás, possui título de Especialista, conferido pela Associação Médica Brasileira em concurso de nível nacional. Entre estes cursos, podem ser enumerados o de Especialização em Cardiologia Clínica, 
Hemodinâmica e Cardiopatias Cirúrgicas, realizado em São Paulo, no Instituto de Cardiologia Sabbado D’Angelo, no período de janeiro de 1959 a janeiro de 1961, bem como os de Atualização em Vectocardiografia e Eletrocardiografia, Fonocardiografia Clínica, Cardiologia Clínica e Gastroenterologia, o primeiro realizado em São Paulo, o segundo em Brasília e os dois últimos em Recife, isto para citarmos apenas os realizados fora do Ceará. Graduada, a Dra. Glaura Férrer, além das suas atividades clínicas e de pesquisa e pós-graduação, passou a dedicar-se igualmente ao exercício do magistério universitário, tendo já exercido as funções de Instrutora de Ensino Superior, Professora Assistente e, finalmente, a partir de 03 de junho de 1974, Professor Adjunta do Departamento de Medicina Clínica da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará, onde ainda permanece, tendo ali ingressado aos 06 de julho de 1961.


 Ademais, afora as atividades docentes acima referidas, tem ministrado ou coordenado, na Universidade Federal do Ceará, diversos cursos a nível de pós-graduação, tais como os de Planejamento e Pesquisa, Fisiopatologia Respiratória, Fisopatologia Cardiopulmonar, Eletrocardiograma Normal e Patológico, Cardiopatias Congênitas e Eletrocardiograma Clínica, isto além de haver ministrado aulas e proferido conferências e palestras em diversos instituições médicas brasileiras. Como pesquisadora, tem dado a estampa diversas monografias na área da sua especialidade, bem como tem divulgado inúmeros outros trabalhos técnico-científicos, a maioria dos quais pública em diversos números da Revista do Centro Médico Cearense, Revista da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará e Revista Arquivos Brasileiros de Cardiologia, de cujo Conselho de Redação foi integrante, no período de outubro de 1962 a dezembro de 1971. Já participou, como membro efetivo, de quase uma centena de congressos e seminários regionais, nacionais e internacionais, na maioria deles havendo apresentado trabalhos no campo da sua especialidade, todos aprovados com a mais entusiástica distinção. Como Presidente de Secção, tomou parte no IX Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical e, como Presidente da Comissão Executiva, dirigiu o XXIX Congresso Brasileiro de Cardiologia, isto além de haver integrado a Comissão Organizadora do XVI Congresso Brasileiro de Gastroenterologia.


 Na Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará, além das suas atividades docentes, tem desempenhado diversas comissões, entre elas as de Coordenadora do Internato de Clínica Médica do Departamento de Medicina Clínica, Secretária do Departamento de Medicina Clínica do Centro de Ciências da Saúde, em duas oportunidades, e Secretária da Comissão Julgadora da Seleção para Professor Assistente do Setor de Ensino de Radiologia do mesmo departamento, isto além de haver exercido, fora da universidade, a função de Especialista Temporária, como Cardiologista, do Serviço Médico do extinto IPASE, no período de 25 de junho de 1962 a 03 de maio de 1965. No Estado do Ceará, desde 1965, exerce as atribuições de Representante Regional da Sociedade Brasileira de Cardiologia, instituição da qual, a nível nacional, já exerceu as funções de Presidente, e Vice-Presidente, tudo isso no período de julho de 1972 a julho de 1974. Integrou ainda, em mais de uma oportunidade, a Diretoria do Centro Médico Cearense. No mais, é sócia efetiva da Sociedade Brasileira de Cardiologia, Sociedade Interamericana de Cardiologia, Sociedade Internacional de Cardiologia e União das Sociedades de Cardiologia da América do Sul. Afora as suas atividades docentes, desenvolveu preponderante atuação clínica, sociedade civil, com finalidade técnico-científica, bem como instituidora e co-mantedora da Clínica Procardíaco de Fortaleza, onde atualmente desenvolve atividades profissionais, com a reputação de ser tida como a maior autoridade cearense no campo de cardiologia e uma das mais expressivas médicas cearenses de todos os tempos.


 A Dra. Glaura Férrer Dias Martins é detentora da Medalha da Integração Nacional das Ciências da Saúde, lhe concedida pela Academia Brasileira de Medicina Militar, bem como do título de Cidadã Honorária de Fortaleza, lhe conferido pela Câmara de Vereadores desta Capital a 01 de junho de 1973.
 Fonte: MACEDO, Dimas. Lavrenses Ilustres. p. 191. glauraferrer@oi.com.br

video
Vídeo: BOM DIA CEARÁ - TV VERDES MARES - A Serviço da Comunikdade

terça-feira, 23 de setembro de 2014

ÉBOLA - A Ciência a caminho da CURA.

Ébola.
febre hemorrágica ébola  ou ebola , (FHE) é a doença humana provocada pelos vírus ébola. Os sintomas têm início duas a três semanas após a infeção, e manifestam-se por febre, dores musculares, dores de garganta e dores de cabeça. A estes sintomas sucedem-se náuseasvómitos e diarreia, a par de insuficiência hepática erenal. Durante esta fase, algumas pessoas começam a ter problemas hemorrágicos.

A propagação da doença em determinada população tem início quando uma pessoa entra em contacto com o sangue oufluidos corporais de um animal infetado, como os macacos ou morcegos-da-fruta. Pensa-se que os morcegos-da-fruta sejam capazes de transportar a doença sem ser afetados. Após a infeção, a doença é transmissível de pessoa para pessoa, inclusive através do contacto com pessoas mortas em decorrência do vírus. Os homens que sobrevivem à doença continuam a ser capazes de a transmitir por via sexual durante cerca de dois meses. O diagnóstico tem geralmente início com a exclusão de outras doenças com sintomas semelhantes, como a maláriacólera ou outras febres hemorrágicas virais. Para a confirmação do diagnóstico inicial, o sangue é posteriormente analisado para detetar a presença de anticorpos do vírus, de ARN viral ou do próprio vírus.
A prevenção é feita através de medidas que diminuem o risco de propagação da doença entre macacos ou porcos infetados e os seres humanos. Isto pode ser conseguido através do rastreio destes animais e, no caso de ser detectada a doença, matando e eliminando de forma apropriada os corpos. Deve-se também cozinhar a carne de forma adequada e é recomendado usar vestuário de proteção quando se manuseia carne. Na proximidade de uma pessoa infetada é recomendado que se lavem as mãos e que seja também usado vestuário de proteção.

Não existe tratamento específico para o vírus. O tratamento envolve a administração de terapia de reidratação oral ou intravenosa. A doença tem uma taxa de mortalidade extremamente elevada – até cerca de 90%. Geralmente ocorre durante surtos em regiões tropicais da África subsariana. Entre 1976, o ano em que foi pela primeira vez identificada, e 2014, o número de casos registados em cada ano foi sempre inferior a 1000. O maior surto registado até 2014 foi o surto de ébola na África Ocidental de 2014 A doença foi identificada pela primeira vez no Sudão e na República Democrática do Congo. Tem havido esforços no sentido de desenvolver uma vacina, embora, à data de 2014, não esteja ainda disponível.


       video

Vídeo: Fantástico - TV GLOBO - Sempre a Serviço da Comunidade.

Lady Gaga e Tony Bennett:Disco de jazz Cheek to Cheek

Lady Gaga e Tony Bennet

O aguardado álbum Cheek to Cheek, parceria entre Lady Gaga e Tony Bennett, foi lançado no Brasil nesta segunda-feira (22/9). A produção, que começou a ser produzida há cerca de dois anos, traz 16 músicas que revivem grandes sucessos do jazz norte-americano. 








video
Vídeo: Fantástico - TV GLOBO - Sempre a serviço da comunidade.

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

O Botão do Pânico e a Lei Maria da Penha - Agressão de Mulheres no Estado do Espírito Santo.


Desde 2013, mulheres em Vitória que se sentem ameaçadas por ex-maridos, namorados ou companheiros contam com um mecanismo importante de proteção: o Botão do Pânico. O dispositivo faz parte de um projeto piloto lançado pelo Tribunal de Justiça do Estado do Espírito Santo (TJ-ES) em parceria com a Prefeitura. O objetivo é reduzir os altos índices de violência doméstica registrados na capital. O equipamento foi distribuído para 100 mulheres que estão sob medida protetiva na 11ª Vara Criminal de Vitória e pode ser acionado caso o agressor não mantenha a distância mínima garantida pela Lei Maria da Penha. Ele capta e grava a conversa num raio de até cinco metros. A gravação poderá ser utilizada como prova judicial.

O Botão do Pânico também dispara informações para a Central Integrada de Operações e Monitoramento (CIOM), com a localização exata da vítima, para que um carro da Patrulha Maria da Penha seja enviado ao local. Para garantir agilidade no atendimento ao pedido de proteção, a administração municipal disponibiliza viaturas da Guarda 24 horas. 



video
Vídeo: Fantástico - TV GLOBO - Sempre a serviço da comunidade.

domingo, 21 de setembro de 2014

THE VOICE BRASIL - HELLEN NYU - Teodoro Sampaio - SP

The Voice Brasil

 Hellen Lyu
Teodoro  Sampaio - SP

" Valerie "





video
Vídeo: TV GLOBO - The Voice Brasil - Sempre a Serviço da Comunidade

O GIBI E A BAIXADA FLUMINENSE - TRANSFORMANDO O CIDADÃO EM SUPER HERÓI.






O GIBI E A BAIXADA FLUMINENSE

TRANSFORMANDO O CIDADÃO EM SUPER HERÓI.

video
Vídeo:TV GLOBO - Sempre a Serviço da Comunidade - Programa Como Será ? ao Sábado ás 06:00 horas.

ZOOLÓGICO DE RECIFE - VISITA GUIADA PARA DEFICIENTE VISUAL.




Zoológico de Recife.

Visita guiada para deficientes visuais, uma iniciativa que deveria ser tomada por outras instituições  educativas em todo o Brasil.



video
vídeo: TV GLOBO - Programa Como Será ? - Ao Sábado - 06:00 horas