Bem Vindo

segunda-feira, 24 de abril de 2017

GREVE GERAL 28 de ABRIL - NÃO REFORMA PREVIDÊNCIA E TRABALHISTA



Centrais sindicais organizam greve geral (ou paralisação nacional) para a próxima sexta-feira, dia 28. Eles dizem que pode ser a maior mobilização de trabalhadores e de diversos setores da sociedade dos últimos 30 anos no Brasil. O protesto contra as reformas da Previdência e trabalhista e a Lei da Terceirização está sendo convocado por oito centrais sindicais que, juntas, representam mais de 10 milhões de trabalhadores.

Grandes categorias de várias capitais aprovaram a paralisação em assembleias, entre as quais metroviários, motoristas de transporte público, motoboys, bancários, metalúrgicos, professores de escolas públicas e privadas, petroleiros, funcionários dos Correios, da construção, do comércio e da saúde.

"O momento é muito grave, principalmente depois da aprovação da urgência para a votação da reforma trabalhista sem que haja uma discussão mais profunda sobre o tema", afirma Ricardo Patah, presidente da UGT. "Nem na ditadura foram tomadas decisões tão graves como agora."

Boletim assinado pela CUT, UGT, CTB, Força Sindical, CSB, NCST, Conlutas e CGTB, com tiragem de 2 milhões de exemplares, está sendo distribuído em cidades do Estado de São Paulo com críticas às reformas e convocando a greve.

fonte:http://hojeemdia.com.br/

sexta-feira, 21 de abril de 2017

IMPEACHMENT NICOLÁS MADURO - CRIME CONTRA A HUMANIDADE VENEZUELA.



Internet

Internet


Uma das marchas de opositores do regime na Venezuela, que tentava hoje chegar à sede do gabinete do provedor de Justiça, foi dispersa com gás lacrimogéneo e noutra concentração antigovernamental há relatos de um estudante morto.



 “Crime contra a humanidade deve ser entendido como um ataque, por qualquer agente do Estado, no exercício de suas funções públicas, ou sob o pretexto de sua competência oficial nas liberdades humanas enumeradas nos arts. 3o a art. 21 da Declaração Universal dos Direitos Humanos.”   

A criação, em julho de 1998, do Estatuto de Roma, que institui a Corte Criminal Internacional consolidou, no plano internacional, a existência dos crimes de agressão, de guerra; e, contra a humanidade.
Na realidade, tais crimes já existiam antes do advento do Estatuto de Roma, tendo sido utilizados nos Tribunais de Nuremberg e para o Extremo Oriente, após a Segunda Guerra Mundial. Mais recentemente, constaram nos Estatutos dos Tribunais para a Antiga Iugoslávia; e, no Tribunal de Ruanda.
Além destes, o Estatuto também previu o crime de genocídio que, igual aos anteriores, já estava previsto na órbita internacional, este, entretanto, desde 09 de dezembro de 1948 quando foi assinada a Convenção das Nações Unidas para Prevenção e Repressão do Crime de Genocídio.
Como se vê, no entanto, boa parte dos delitos tipificados neste instrumento internacional estão vinculados a existência de um conflito armado, salvo os crimes elencados no art. 7o do mesmo – os crimes contra a humanidade – que podem ser cometidos em tempo de paz. E serão estes os delitos objeto deste estudo.

FORTALEZA : UMA CIDADE SITIADA PELO TERROR.




O dobro dos efetivos do Batalhão de Policiamento de Ronda de Ação Intensiva e Ostensiva (BPRaio) e do Batalhão de Policiamento de Choque (BPChoque) nas ruas, helicópteros sobrevoando a Cidade, reforço policial do Interior para Fortaleza e policiais acompanhando comboios de ônibus.

 Essas foram as ações realizadas ontem pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) na tentativa de conter os ataques e restabelecer os serviços de transporte público na Capital.
Na quarta-feira, 19, o titular da pasta, André Costa, havia garantido que a situação seria normalizada, mas a Cidade e a Região Metropolitana viveram ontem mais um dia de episódios violentos.

 SOMOS TRABALHADORES PRECISAMOS IR  AO TRABALHO E VOLTAR PARA CASA COM SEGURANÇA, O ESTADO PRECISA FAZER ALGO E COM URGÊNCIA.

sexta-feira, 14 de abril de 2017

Marinha do Brasil abre concurso para nível superior área de Saúde 146 Vagas em Todo o Brasil - Corpo de Saúde da Marinha (CP-CSM)

 
 
 
A Marinha do Brasil anunciou que abrirá concurso público com 146 vagas para profissionais de nìvel superior na área da saúde para preencher os quadros de Médico, Cirurgião-Dentista e de Apoio à Saúde em 2017 no Corpo de Saúde da Marinha (CP-CSM). As incrições terão ínicio nesta quinta-feira, 13, e vão até o dia 15 de maio deste ano no site da Marinha.

As oportunidades são destinadas a candidatos de ambos os sexos, que tenham graduação na respectiva área da vaga e que não tenham 26 anos até 2018. Do total de vagas ofertadas, 21 delas serão exclusivas para candidatos negros.

São 123 vagas para Médicos nas especialidades de Anestesiologia, Cancerologia, Cardiologia, Cirurgia Cardíaca, Cirurgia Geral, Cirurgia Plástica, Cirurgia Vascular, Clínica Médica, Dermatologia, Endocrinologia/Metabologia, Gastroenterologia, Ginecologia e Obstetrícia, Infectologia, Medicina Intensiva, Nefrologia, Neurologia, Oftalmologia, Ortopedia e Traumatologia, Otorrinolaringologia, Patologia, Pediatria, Pneumologia, Proctologia, Psiquiatria, Radiologia, Reumatologia e Urologia. São 100 vagas de âmbito nacional, 2 no Comando do 2º Distrito Naval em Salvador-BA, 4 no Comando do 3º Distrito Naval em Natal-RN, 3 vagas no Comando do 4º Distrito Naval em Belém-BA, 3 no 5º Distrito Naval em Rio Grande-RS, 4 vagas no Comando do 6º Distrito Naval na cidade de Ladário-MS, 4 no 7º Distrito Naval em Brasília-DF, e 3 no Distrito Naval de Manaus/AM. Há ainda 12 vagas para o Quadro de Cirurgião-Dentista, nas especialidades de Dentística, Endodontia, Odontopediatria, Periodontia e Prótese Dentária; e 11 vagas para o Quadro de Apoio à Saúde, nas especialidades de Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia e Nutrição.

Os aprovados realizarão curso de 9 meses no Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), na Ilhas das Enxadas, Baía de Guanabara, na cidade do Rio de Janeiro. Neste mesmo período, eles já ingresserão no no posto de Guarda-Marinha (GM), com salário de R$ 6.625, mais auxílio para aquisição de uniformes, assistência médica-hospitalar e alojamento e alimentação, entre outros benefícios.

A seleção contará com as seguintes fases: provas escritas, prova de redação, inspeção de saúde, teste de aptidão física e avaliação de títulos.

As provas escritas acontecerão nas cidades do Rio de Janeiro/RJ, Vila Velha/ES, Salvador/BA, Natal/RN, Olinda/PE, Fortaleza/CE, Belém/PA, São Luís/MA, Rio Grande/RS, Porto Alegre/RS, Florianópolis/SC, Ladário/MS, Brasília/DF, São Paulo/SP, Manaus/AM e Cuiabá/MT, em dia, hora e locais a serem informados pela Marinha a partir do dia 30 de maio.

O curso de formação iniciará no dia 5 de março de 2018. Confira edital.
 

terça-feira, 11 de abril de 2017

OS CELULARES MAIS BARATOS DO BRASIL.



Com o passar dos anos, o brasileiro mudou um pouco seus hábitos de compra de celular. O público se acostumou a pagar um pouco mais pelo smartphone, com uma pesquisa apontando que o valor médio pago no aparelho subiu de R$ 882 em 2015 para R$ 1.050 em 2016.
O aumento se deve principalmente a dois fatores. O primeiro é o aumento da exigência do brasileiro, que espera mais qualidade do produto que adquire, e o segundo é a crise que o país atravessa, que fez com que o custo de celulares de todas as categorias ficasse mais alto.
Isso não significa, no entanto, que não haja opções por menos de R$ 1.000, nem que essas alternativas sejam ruins, nem que as pessoas ainda não procurem por esses celulares mais baratos. O levantamento abaixo, feito pelo site de comparação de preço Zoom, mostra quais são os smartphones mais procurados nessa faixa de preço


1Motorola Moto G5 32GB XT1672 R$ 870,00 R$ 1.086,80  25%
2. Samsung Galaxy J5 16GB J500MDS R$ 674,10 R$ 1.309,93 94%
3. LG K10 16GB K430TV 4G R$ 649,01 R$ 999,00 54%
4. LG X Power 16GB K220 R$ 615,12 R$ 999,00 62%
5. Motorola Moto G G4 Play DTV Colors 16GB XT1603 R$ 694,32 R$ 994,92 43%
6. Samsung Galaxy J5 2016 Metal 16GB J510 R$ 755,94 R$ 1.499,90 98%
7. LG X Style 16GB K200 R$ 527,12 R$ 1.063,00 102%
8. Samsung Galaxy J7 16GB J700MDS R$ 836,10 R$ 1.799,00 115%
9. Lenovo Vibe K6 32GB PA540051BR R$ 839,04 R$ 999,00 19%
10. Samsung Galaxy J7 2016 Metal 16GB J710 R$ 899,00 R$ 1.680,00 87%

Fonte:https://olhardigital.uol.com.br/noticia/conheca-os-10-celulares-mais-procurados-do-brasil-abaixo-de-r-1-000/67372?utm_campaign=newsletter_posicao_01&utm_medium=leia_mais&utm_source=newsletter

3º Seminário Brasileiro de Museologia - SEBRAMUS - UNIVERSIDADE FEDERAL do Pará



O 3º Seminário Brasileiro de Museologia (Sebramus) tem como objetivo proporcionar a realização de discussões acadêmicas na área da Museologia, contribuindo para a divulgação qualificada da produção científica dos professores e pesquisadores da área. Promovido pela Rede de Professores e Pesquisadores do Campo da Museologia, com apoio da Universidade Federal do Pará, esta terceira edição do Seminário pretende realizar diálogos e debates sobre a temática “Museologia e suas interfaces críticas: Museu, Sociedade e os Patrimônios”.

A Museologia é considerada uma ciência desde a segunda metade do século 20, que tem como objeto de estudo a Musealidade, tendo se ocupado, dentre outras perspectivas de estudos, às suas interfaces críticas com o próprio Patrimônio e seus múltiplos processos de patrimonialização e de musealização.

Outra abordagem da Museologia versa sobre as ações específicas do homem ante os objetos e seus valores conceituais, que ao se tornar musealizados, estabelecem “relação mediadora entre homem e patrimônio”, constituindo assim o objeto de estudo da Museologia. Do mesmo modo, o fazer museológico é também notadamente interdisciplinar, o que demanda muitas vezes a participação de estudiosos e profissionais de áreas diversas.

Estas compreensões da Museologia abrem-nos os olhos para a dimensão social, política e crítica desta ciência, e nestas perspectivas, a Museologia lança mão de metodologias diversas, das ciências humanas, sociais, exatas e biológicas e da Filosofia, podendo assim ser destacado seu caráter interdisciplinar e de apropriação de outros campos disciplinares de conhecimento e saberes. Refletir e discutir as relações entre museu, sociedades e os patrimônios, nestas perspectivas críticas e reflexivas, cruzando olhares internos ao campo e em diálogo com outros campos disciplinares, é a proposta do 3º Sebramus, que será realizado na Universidade Federal do Pará de 20 a 24 de novembro de 2017.

Profa. Dra. Carmen Silva (UFPA)
Profa. Dra. Emanuela Sousa Ribeiro (UFPE)
Profa. Dra. Flávia Palácios (UFPA)
Prof. Dr. Hugo Menezes (UFPA)
Profa. Me. Marcela Cabral (UFPA)
Prof. Dr. Marcelo Nascimento Cunha (UFBA)
Profa. Dra. Rosangela Britto (UFPA)
Profa. Me. Silmara Küster de Paula Carvalho (UNB)
Profa. Dra. Sue Costa (UFPA)

Curso de Museologia Faculdade de Artes Visuais (Atelier e Anexo)
Campus Profissional
Universidade Federal do Pará. Rua Augusto Corrêa, 01
Guamá, Belém, Pará
 fonte:http://www.3sebramus.org/

domingo, 9 de abril de 2017

REVISTA DE HISTÓRIA da UEG - Expredições: Teoria da História e Histografia.

 CHAMADA DE ARTIGOS
 
 
Expedições: Teoria da História e Historiografia, publicação semestral da Universidade Estadual de Goiás – UEG, recebendo artigos em fluxo continuo, convida a comunidade acadêmica brasileira e internacional a submeterem artigos inéditos versando sobre História, Teoria da História e Historiografia para a composição do seu próximo número com previsão de publicação em agosto de 2017. A revista publica artigos escritos em Espanhol, Inglês, Português e além da usual seção de artigos a publicação também recebe submissões de entrevistas, traduções e resenhas.
Expedições: Teoria da História e Historiografia está disponível no endereço eletrônico:
Os interessados em submeter artigos, devem efetivar o seu cadastro prévio no endereço: http://www.revista.ueg.br/index.php/revista_geth/user/register

domingo, 2 de abril de 2017

CURSO DE MUSEOLOGIA DA UFG : TOQUES DE MIDAS: Profa.Dra. Ema Pires - NEAP - GEMINTER.

 


O Curso de Museologia da UFG, o NEAP (Núcleo de Estudos de Antropologia, Patrimônio, Memória e Expressões Museais) e o GEMINTER (Grupo de Estudo e Pesquisa em Museologia e Interdisciplinaridade) convidam para a palestra
 
"Toques de Midas:
 etnografias de arenas patrimoniais entre Ásia e Europa"
 
 
Profa. Dra. Ema Pires (Universidade de Évora, Portugal)
 
Dia 07 de abril às 19h30
Sala CS2 do Prédio da Faculdade de História, Campus Samambaia da UFG

UFG - Universidade Federal de Goiás
UFG - Universidade Federal de Goiás
CNPJ: 01567601/0001-43
Avenida Esperança s/n,
Campus Samambaia - Prédio da Reitoria.
CEP 74690-900 
Goiânia - Goiás - Brasil.
Fone: +55 62 3521 1000

 Ema Cláudia Ribeiro Pires é antropóloga. Professora Auxiliar no Departamento de Sociologia da Universidade de Évora. Investigadora no Instituto de História Contemporânea (IHC-CEHFCi-UÉ). Entre os seus interesses de pesquisa, salientam-se: apropriação social de espaços, antropologia do colonialismo, processos de patrimonialização e turistificação.
Doutoramento em Antropologia (ISCTE, 2012), com a tese “Paraísos Desfocados: Nostalgia Empacotada e Conexões Coloniais em Malaca”.
Mestrado em Sociologia (Universidade de Évora, 2002) e licenciatura (graduação) em Antropologia (UTL, 1998).

sexta-feira, 31 de março de 2017

2ª Caminhada da Conscientização do AUTISMO - DIA MUNDIAL DO AUTISMO EM FORTALEZA.APSA-CE



A Associação Pintando o SeTEAzul (APSA-CE) é de caráter assistencial, beneficente, sem fins lucrativos. Formada em 2015 por pais de autistas e amigos que se tornaram adeptas a causa.

  A principal motivação se caracteriza em virtude da pouca informação de um modo geral sobre o Espectro e carência de qualificação especifica para o profissional afim de que seja oferecido a esse indivíduo diagnóstico e acompanhamento apropriado.
Por esses motivos a associação foi formada e luta para que a pessoas com autismo assim como sua família sejam melhor compreendidos, assistida, aceita e incluídos na sociedade. A cada dia trabalhamos na construção de um mundo diferente, pois para nós não consideramos o igual suficiente.
  Procurando favorecer a busca e a divulgação do conhecimento acerca do Transtorno do Espectro do Autismo (TEA), a Associação Pintando o SeTEAzul (APSA-CE) tem como meta melhorar a capacidade de adaptação e qualidade de vida das pessoas com autismo e seus familiares. 

Para a Associação Pintando o SeTEAzul (APSA-CE) o diagnostico precoce é fundamental, como também é necessária uma relação de conhecimento, fidelidade, comprometimento e cumplicidade entre Família, Escola, Médicos e Associação.  Defendemos a tese de que a melhor forma de ajudar uma criança autista a superar seus desafios é não focar apenas nas suas dificuldades e sim valorizar seus talentos através de atividades lúdicas e motivacionais nas quais a criança, adolescente ou adulto esteja empolgada para participar e superar suas limitações.
 Orientar e apoiar as famílias, através de atividades desenvolvidas na associação todos irão aprender a olhar para vida com tolerância, paciência, humor e muito amor. Que não importa o período crítico de transição pelo qual estão passando: Ao receber o diagnóstico, durante os anos escolares, adolescência ou idade adulta a Associação Pintando o SeTEAzul (APSACE) ajudará a enfrentar estes desafios que o diagnóstico de Autismo nos propõe.  
ü Trabalhar com as instituições de ensino públicas e privadas, promovendo cursos, palestras, oficinas de confecção de material utilizando técnicas ABA, TEACCH, PECS, dentre outras que venham a ser necessárias a fim de capacitar profissionais para trabalhar de forma interdisciplinar para que alunos autistas sejam incluídos ao contexto escolar de forma personalizada para seu melhor desenvolvimento no processo de aprendizagem.  
ü Incentivar o tratamento com equipe multidisciplinar para que o autista possa se desenvolver, tornar-se independente e se relacionar com outras pessoas, embora seja preciso um tratamento demorado – em muitos casos, para a vida toda. Psicólogos, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, médicos e profissionais da educação são alguns dos especialistas que fazem parte da equipe. Não existe tratamento padrão que possa ser utilizado. Cada paciente exige acompanhamento individual, de acordo com suas necessidades e deficiências.  

2ª caminhada da conscientização do Autismo acontece neste domingo, em Fortaleza

Pais, amigos e autistas realizam no dia 2 de Abril, às 16h, caminhada na Av. Beiramar (em frente ao Náutico) alusiva Dia Mundial da Conscientização do Autismo.

Objetivo é informar sobre o transtorno, que afeta 70 milhões de pessoas no mundo, diminuir o preconceito, ampliar o conhecimento sobre as políticas públicas e as estratégias contemporâneas de tratamento e inclusão social.  

Segundo Kellyane Chaves, uma das organizadoras do evento, a ideia é chamar atenção sobre o Transtorno do Espectro Autista (TEA). "O autismo ainda é um assunto distante e que gera dúvidas e preconceitos. Afalta de informação acaba implicando pais com receio de fazer atividades em público com os filhos, o que prejudica o desenvolvimento social da criança. Por isso, iremos caminhar com faixas, bandeiras, balões azuis, distribuir panfletos vestidos de azul, a cor que simboliza o autismo. Buscamos com essa ação levar mais informação e diminuir o preconceito", diz. 

Ao final da caminhada, serão soltados dezenas de balões azuis, simbolizando a conscientização. 

Mais informações,

Kellyane Chaves: 9918471447
Marcio Martins: 988743608

Serviço:
Caminhada no Dia Mundial da Conscientização do Autismo.
Local: Av. Beira-Mar, em frente ao Náutico.
Hora: 16h. 

sábado, 25 de março de 2017

60 VAGAS PARA PROFISSIONAL DE SAÚDE : SINE FORTALEZA 27 de março, Segunda-feira.




Foto: internet
O Sine Municipal de Fortaleza disponibiliza 60 vagas para profissionais interessados em trabalhar em empresa privada da área da Saúde. As vagas ofertadas são para técnico de enfermagem e auxiliar de laboratório.
Para concorrer às vagas, os interessados devem comparecer, na próxima segunda-feira (27), na sede da Secretaria de Desenvolvimento Social, Direitos Humanos e Combate à Fome (SDS), localizada na Avenida General Osório de Paiva nº 02 – Parangaba.
A seleção ocorrerá em dois turnos, pela manhã, a partir das 9 horas, e à tarde, a partir das 14 horas. Os candidatos devem portar os seguintes documentos: RG, CPF, currículo, carteira de trabalho, comprovante de endereço e de escolaridade, comprovante de conclusão do curso de técnico em Enfermagem ou profissionalizante em auxiliar de laboratório e carteira do Conselho Regional de Enfermagem (Coren).


Os cargos oferecem benefícios como salário fixo, vale-transporte, ticket alimentação, assistência médica, assistência odontológica, auxílio-creche, além de descontos em faculdades.
Nos Sines Municipais, a população pode realizar serviços como intermediação de mão de obra, habilitação para o seguro-desemprego, inscrição/encaminhamento para cursos de qualificação, entre outros. Além destes, nos Sines das Regionais III e V, os usuários contam com o Projeto Currículo na Mão, que disponibiliza computadores para que façam seus currículos. Com acesso a modelos diversos e orientações básicas, os trabalhadores já saem do Sine com seu currículo impresso.
O atendimento nos Sines Municipais das Regionais I, III e IV acontece de segunda a sexta-feira, de 8h às 17h. Para o atendimento, os usuários devem estar munidos de Carteira de Trabalho, Identidade, CPF, número do PIS, comprovante de endereço, de escolaridade, além de comprovante de cursos realizados.
Além das demandas espontâneas, o atendimento nos Sines pode ser agendado de forma eletrônica, por meio do Canal de Desenvolvimento Social, no link Agendamento Sines Municipais. Para realizar o agendamento, é preciso disponibilizar os seguintes dados: nome, data de nascimento, CPF, PIS, telefone e endereço. Em seguida, você escolherá o posto de atendimento, a data e horário disponíveis.
Serviço:
Seleção para profissionais da área de Saúde
Data: Segunda-feira (27/03)
Horário: a partir de 9h e a partir de 14h
Local: Avenida Osório de Paiva, nº 02 - Parangaba
Mais informações: (85) 3105.3712

quarta-feira, 22 de março de 2017

FERIADO DIA 25 de MARÇO de 2017 CARTA MAGNA - E OS COMERCIÁRIOS




 
imagem internet

Ponto Facultativo – Feriado dia 25 de março
Atenção trabalhadores (as) comerciários (as), conforme acordado na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT – 2017), fica facultado o funcionamento dos estabelecimentos comerciais no dia 25 de março, feriado (Data Magna do Ceará)  nas seguintes condições:

A empresa pagará o valor de R$ 55,00 (cinquenta e cinco reais), como ajuda de custo, o pagamento deverá ser efetuado no final do expediente, mais um dia em dobro no contracheque para o trabalhador (a) fixo e um repouso a mais para o comissionista, e mais uma folga na semana subsequente.

Caso os lojistas descumpram o que determina a CCT denuncie. Comprovado a denuncia as empresas ficam sujeitos a multa equivalente a UM PISO SALARIAL DA CATEGORIA, em favor da parte atingida pela violação.

CONVENÇÃO COLETIVA 2017/2018 CONTAX MOBITEL S/A E SINTTEL CE OPERADOR TELEMARKETING.




CONVENÇÃO COLETIVA 2017/2018 - CONTAX MOBITEL S/A.

Em Assembleia Geral Ordinária realizada no dia 21 de março de 2017, na Av. Borges de melo, 1677- Vila União, nos horários de 10:00 ás 17:00 horas.
Foi aceita a proposta Patronal, pela maioria dos funcionários em votação onde o SIM vencer o NÃO.
mas isso não representa uma vitória e sim UMA GRANDE DERROTA, para quem luta pelos seus direitos e benefícios, ficaremos com o nosso SALÁRIO DEFASADO.

Como se admite receber em carteira assinada de janeiro a junho de 2017 o valor de apenas R$ 880,00 reais, o salário de 2016  ?


sexta-feira, 17 de março de 2017

CONTAX MOBITEL S/A AUMENTO DE SALÁRIO EM JULHO DE 2017 R$ 937,00




 A útima reunião aconteceu no dia 15, no Rio de Janeiro, com a presença dos dirigentes do Ceará, Bahia, Rio Grande do Norte, Rio de Janeiro, e Pernambuco e durou um dia inteiro.

Mudar a data base de 1º de janeiro para 1º de julho; Reajustar somente em julho o salário de quem ganha o piso de R$ 880,00 para R$ 937,00; Pagar, após a aprovação da proposta em assembleia, para quem ganha o piso (R$ 880,00) um abono de R$ 345,00; Reajustar, a partir de julho/2017, os salários acima do piso em 4%, proporcionalmente à data de admissão; Pagar para quem ganha acima do piso, um abono equivalente a 24% do salário praticado em dez/2017, garantindo o mínimo de R$ 345,00, proporcional ao tempo de serviço; salário de R$ 880,00 no período de experiência (primeiros três meses); PL/R 2016: R$ 155,00 pago proporcionalmente à data da admissão; Reajuste dos auxílio creche e vales alimentação em 4%, a partir de julho de 2017.

 Ano 2017 Janeiro, fevereiro, março, abril, maio e junho salário na carteira R$ 880,00

Ano 2017 julho, agosto, setembro, outubro, novembro e dezembro salário na carteira R$ 937,00 .

Assembleia Geral Extraordinária, dia 21/03/2017 Av. Borges de Melo 1677 - Vila União
1ª convocação 10:00 horas
2ª convocação 10:30 horas
Término ás 17:00

VOTO NÃO.  

 

quarta-feira, 8 de março de 2017

Mulheres Operadoras de Telemarketing em FORTALEZA, não tem o que comemorar em 2017. Dia Internacional da Mulher.



DIA INTERNACIONAL DA MULHER.

Mulheres Operadoras de Telemarketing em Fortaleza não tem o que comemorar.

Seus contracheques, de janeiro, fevereiro e Março de 2017, ainda são os mesmo de 2016, empresas como CONTAX S/A e tantas outras, além de não pagar o  Salário mínimo, não há o interesse em negociar o dissídio coletivo de 2017. Enquanto isso homens e mulheres continuam recebendo menos que o salário mínimo.

terça-feira, 7 de março de 2017

Viola Davis e o Ilustrador Cearense Marciano Palácio de IGUATU - Ce.

 
 
 
A atriz vencedora do Oscar, Viola Davis, compartilhou nos seus perfis nas redes sociais Instagram e Facebook, algumas ilustrações feitas por fãs e dentre elas, uma chamou a atenção dos brasileiros. É a do ilustrador cearense, natural de Iguatu, Marciano Palácio. 

Na ilustração, Viola aparece oferecendo o Oscar a personagem pela qual foi premiada no filme Fences - Um limite entre nós. Na legenda, a atriz agradece aos fãs pelo "maravilhoso trabalho" e pergunta aos seguidores qual é o favorito deles. Com mais de 70 mil reações no Facebook da atriz, a ilustração trouxe ao cearense reconhecimento e fama.
 
fonte:http://www.opovo.com.br/noticias/fortaleza/2017/03/llustrador-cearense-tem-desenho-compartilhado-por-atriz-ganhadora-do-o.htmlhttp://www.opovo.com.br/noticias/fortaleza/2017/03/llustrador-cearense-tem-desenho-compartilhado-por-atriz-ganhadora-do-o.html

sábado, 25 de fevereiro de 2017

CALL CENTER : SINSTAL E O CARTEL DA FOME NO NORDESTE.




Na reunião ocorrida no último dia 24, a AeC apresentou uma segunda proposta aos Sintteis do RN e do CE para o acordo coletivo de 2017, que é difícil de “tragar”. Confira:
* Piso salarial equivalente ao novo salário mínimo (R$ 937,00);
* Para os salários acima do piso e para o auxílio creche (36 meses), um reajuste de 6,58%, em duas parcelas, sendo 5% em janeiro e 1,58% em março;
* Manutenção do plano de assistência médica
* Vigência por dois anos e reajuste automático pelo INPC em 1º de janeiro de 2018.
Traduzindo: a proposta da AeC significa tão somente o a reposição de R$ 57,00 nos salários dos atendentes! É ou não é de amargar?

NÃO! DISSERAM OS SINDICATOS

Os Sintteis do RN e do CE rejeitaram a proposta amarga da AeC e apresentaram uma contraproposta, num esforço em prol do consenso negocial. Confira:
=> Piso salarial de 937,90 (INPC integral);
=> Reajuste de 6,58%, em janeiro, para os salários acima do piso, para o auxílio creche e para os vales alimentação de quem trabalha 08 horas;
=> Implantação dos vales alimentação de R$ 6,00 por dia para os que trabalham 06 horas;
=> Auxílio creche para as trabalhadoras que têm filhos com até 48 meses de vida.

OS TELEOPERADORES DA AeC TAMBÉM QUEREM VR
Os trabalhadores que têm jornada de 6 horas também querem e fazem jus aos vales alimentação, assim como os teleoperadores das demais empresas de call center no país.

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

HUGH JACKMAN É BRASILEIRO, ISAAC BARDAVID TAMBÉM...



De passagem pelo Brasil, Hugh Jackman tomou pingado em São Paulo, ganhou rapadura de presente, desejou um bom carnaval aos seguidores e encerrou a visita com um encontro inédito com o dublador de Wolverine.
O encontro aconteceu durante gravação do programa “The Noite”, apresentado por Danilo Gentili, e também foi registrado no Instagram do astro com tradução simultânea de Isaac Bardavid. Jackman se rendeu: “[Ele] é tão bom”.
No programa, que vai ao ar no dia 6 de março, o astro chegou a se ajoelhar em reverência ao brasileiro: “Fico tocado, é um prazer conhecê-lo”, disse. “As pessoas não têm ideia de quantas pessoas são necessárias pra criar um filme. O senhor é parte desse amor deles (fãs) tanto quanto eu.”

Fonte:https://cinema.uol.com.br/noticias/redacao/2017/02/20/hugh-jackman-se-ajoelha-diante-de-dublador-brasileiro-fico-tocado.htm

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

CONTAS INATIVAS FGTS - Consulte AQUI.

Todo trabalhador que pediu demissão ou teve seu contrato de trabalho finalizado por justa causa até 31/12/2015 tem direito ao saque das contas inativas de FGTS, de acordo com a MP 763/16.

CONSULTE AQUI:
https://www.contasinativas.caixa.gov.br/pages/inter/home.html

sábado, 18 de fevereiro de 2017

OPERADOR TELEMARKETING - UNIDOS PELA REGULAMENTAÇÃO DA PROFISSÃO



Art. 1º Entende-se como operador de telemarketing ou teleatendimento aquele que desempenha profissionalmente a atividade de comunicação com interlocutores clientes e usuários, realizada à distância por intermédio da voz ou de mensagens eletrônicas, com a utilização simultânea de equipamentos de audição ou escuta e fala telefônica e sistemas informatizados ou manuais de processamento de dados.
Parágrafo único. Para os efeitos de aplicação desta Lei, independe a nomenclatura utilizada na formalização do contrato de trabalho.
Art. 2° Esta Lei aplica-se a todo empregador que mantenha serviço de telemarketing ou teleatendimento nas modalidades ativo ou receptivo em centrais de atendimento telefônico ou centrais de relacionamento com clientes (call centers), para prestação de serviços, informações e comercialização de produtos, ainda que não exerça atividade econômica preponderante de telemarketing ou teleatendimento.
Parágrafo único. Considera-se call center o ambiente de trabalho no qual a principal atividade é conduzida via telefone ou rádio com utilização simultânea de terminais de computador.
Art. 3° Para o desempenho das atividades de operador de telemarketing ou teleatendimento, o empregador deve fornecer mobiliário que atenda a regulamentação aprovada pelo Ministério do Trabalho e Emprego. 
Dispõe
Art. 4º O empregador deve fornecer gratuitamente conjuntos de microfone e fone de ouvido (head-sets) individuais, que permitam ao operador a alternância do uso das orelhas ao longo da jornada de trabalho.
§ 1º Os equipamentos deverão ser substituídos gratuitamente a cada quatro meses e sempre que apresentarem defeitos ou desgaste devido ao uso.
§ 2º O fornecimento dos equipamentos descritos no caput deverá ser documentado mediante recibo assinado pelo trabalhador.
§3º Os documentos mencionados no parágrafo anterior deverão ficar a disposição da fiscalização do Ministério do Trabalho e Emprego e do sindicato representante dos trabalhadores.   
§ 4° Os head-sets devem ter garantidas pelo empregador a correta higienização e as condições operacionais recomendadas pelos fabricantes, bem como atender os requisitos previstos em regulamentação aprovada pelo Ministério do Trabalho e Emprego.
Art. 5° O empregador deve oferecer aos seus operadores de telemarketing ou teleatendimento a realização gratuita de exames de audiometria quando da admissão, periodicamente a cada seis meses e na rescisão do contrato de trabalho. 
§ 1º Os operadores de telemarketing ou teleatendimento devem receber, mediante assinatura de recibos, o laudo dos exames audiométricos realizados.
§ 2º Os comprovantes dos exames realizados, os respectivos laudos audiométricos e os recibos assinados pelos operadores de telemarketing/teleatendimento devem ser arquivados pelo empregador para a fiscalização do Ministério do Trabalho e Emprego ou do sindicato representante dos trabalhadores.
Art. 6° O empregador responderá pelos danos causados à saúde auditiva dos operadores de telemarketing ou teleatendimento, independentemente de culpa, desde que demonstrado o nexo causal entre a atividade e o dano.
Art. 7° O empregador deve observar as condições ambientais de trabalho que atendam a regulamentação aprovada pelo Ministério do Trabalho e Emprego.
Art. 4º O empregador deve fornecer gratuitamente conjuntos de microfone e fone de ouvido (head-sets) individuais, que permitam ao operador a alternância do uso das orelhas ao longo da jornada de trabalho.
§ 1º Os equipamentos deverão ser substituídos gratuitamente a cada quatro meses e sempre que apresentarem defeitos ou desgaste devido ao uso.

Art. 8º A jornada de trabalho dos operadores de telemarketing ou
 teleatendimento é de seis horas diárias e trinta e seis semanais.
§ 1º A cada período de seis horas de trabalho consecutivo corresponderão dois períodos de repouso, fora do posto de trabalho, de dez minutos contínuos cada, concedidos obrigatoriamente após os primeiros e antes dos últimos sessenta minutos da jornada, não deduzidos da duração normal do trabalho, sem prejuízo da concessão de intervalo para repouso e alimentação. 
§2º O intervalo para repouso e alimentação será, no mínimo, de vinte minutos e não poderá exceder de uma hora.
§ 3° É autorizada a contratação de jornada reduzida de quatro horas diárias e vinte e quatro semanais, com concessão obrigatória de uma única pausa de descanso de quinze minutos, não deduzida da duração normal do trabalho. 
Art. 9º A jornada normal de trabalho, pausas e intervalo de repouso e alimentação estabelecidos no art. 8º poderão ser alterados mediante convenção ou acordo coletivo do trabalho. 
Art. 10. É vedada a prorrogação da jornada de trabalho, salvo excepcionalmente por motivo de força maior, necessidade imperiosa ou para a realização ou conclusão de serviços inadiáveis ou cuja interrupção de execução possa acarretar prejuízo manifesto. 
§ 1º Em caso de prorrogação da jornada, a autoridade competente e o sindicato representante dos trabalhadores deverão ser comunicados no prazo de dez dias.
§ 2ºEm caso de prorrogação do horário normal, será obrigatória a concessão de intervalo mínimo de quinze minutos antes do início do período extraordinário do trabalho.
Art. 11. O serviço extraordinário deve ser remunerado com acréscimo mínimo de oitenta por cento ao do normal.
§ 1º O trabalho em dia de repouso deve ser remunerado com acréscimo de cem por cento ao do normal.
§ 2º O adicional previsto no caput poderá ser alterado mediante convenção ou acordo coletivo de trabalho.
§ 3º A redução do adicional somente poderá ocorrer através de convenção coletiva ou acordo coletivo de trabalho que estabeleça outras vantagens ou benefícios aos trabalhadores abrangidos. 
Art. 12. O serviço noturno será remunerado com o adicional de, no mínimo, vinte e cinco por cento.
Art. 13. A organização do trabalho deve ser feita de forma a não haver atividades aos domingos e feriados, seja total ou parcial, com exceção de empregador autorizado previamente pelo Ministério do Trabalho e Emprego, conforme previsão do art. 68 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), aprovada pelo Decreto-Lei nº 5.452, de 1º de maio de 1943.
Art. 14. No caso de empregador previamente autorizado ao exercício de atividades aos domingos, aos operadores de telemarketing ou teleatendimento é assegurado pelo menos um dia de repouso semanal remunerado coincidente com o domingo a cada mês, independentemente do cumprimento de metas, de produtividade ou das faltas ocorridas.
Art. 15. A jornada de trabalho, as pausas de dez minutos, o intervalo obrigatório para repouso e alimentação e o intervalo de quinze minutos antes do início do período extraordinário devem ser consignados em registro eletrônico.
§1º O registro eletrônico deve ser fornecido em forma impressa e gratuita para o trabalhador, para a fiscalização do Ministério do Trabalho e Emprego e para o sindicato representante dos trabalhadores, sempre que requerido.
§ 2º Sem prejuízo do disposto no § 1º, deve ser fornecida mensalmente via impressa do registro eletrônico ao trabalhador.
§ 3° Não serão descontadas, nem computadas como jornada extraordinária as variações de horário no registro eletrônico de ponto não excedentes de dez minutos diários.
Art. 16. O empregador deve permitir que os operadores de telemarketing ou teleatendimento deixem seus postos de trabalho a qualquer momento da jornada para a satisfação de necessidade fisiológica, sem repercussões sobre sua avaliação ou remuneração.  
Art. 17. O piso salarial profissional nacional dos operadores de telemarketing ou teleatendimento será de R$ 5,85 por hora. 
Art. 18. Os valores monetários dos salários dos operadores de telemarketing ou teleatendimento serão reajustados anualmente, no mês de janeiro, a partir do ano de 2016.
Parágrafo único. A atualização de que trata o caput deste artigo será calculada utilizando-se o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) acumulado no ano anterior, acrescido da taxa de crescimento real do PIB apurada dos dois anos anteriores.
Art. 19. O empregador fornecerá de forma impressa e gratuita, sempre que requerido pelo trabalhador:
a) regras, mecanismos e metas referentes à obtenção de comissões, prêmios e demais formas de remuneração variável;
b) os registros de produtividade e demais avaliações de desempenho do trabalhador, bem como a gradação evolutiva para o perfazimento das metas diárias, semanais e mensais. 
§ 1º É vedada a modificação unilateral das regras para o recebimento das comissões, prêmios e variáveis ou aquela que, por mútuo
consentimento, resulte, direta ou indiretamente, prejuízos ao empregado no direito ao recebimento das mencionadas parcelas salariais. 
§ 2º As alterações das regras para o recebimento das comissões, prêmios e variáveis deverão ser comunicadas ao sindicato representante dos trabalhadores.
Art. 20. É devido adicional de penosidade de vinte a quarenta por cento sobre o salário normal aos operadores de telemarketing teleandimento.
§ 1º O percentual aplicável será objeto de negociação entre as entidades sindicais representativas dos trabalhadores e dos empregadores.
§ 2º Na ausência de negociação coletiva concernente ao adicional de penosidade, os empregadores ficam obrigados a pagar adicional de penosidade de quarenta por cento sobre o salário base do trabalhador.
Art. 21. As condições de trabalho dos operadores de telemarketing ou teleatendimento deverão estar em consonância com as normas regulamentadoras editadas pelo Ministério do Trabalho e Emprego, sem prejuízo de outras normas que regulam a matéria, cabendo às empregadoras o seu estrito e fiel cumprimento.
Art. 22. É instituído o Dia do Operador de Telemarketing ou Teleatendimento, a ser comemorado no dia 4 de julho de cada ano.
Parágrafo único. No mês de julho de cada ano, o empregador efetuará o pagamento adicional de um trinta avos a todos os trabalhadores operadores de telemarketing ou teleatendimento.
Art. 23. Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.
Senador PAULO PAIM Presidente da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa.

https://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaomateria?id=127746#.WKhAnjqGhAE.facebook

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

SINSTAL:OPERADOR TELEMARKETING MERECE APENAS O SALÁRIO MINIMO.




 CAMPANHA SALARIAL OPERADOR TELEMARKETING - 2017

PROPOSTA SINSTAL.

  Alteração da data base para Julho;
  Piso R$ 937,00 a partir de Jul/ 2017;
  Abono R$ 345,00 referente aos meses de janeiro a junho a serem pagos em Fev/ 2017;
  Reajuste 4% para quem ganha acima do piso a partir de Jul/ 2017;
  Abono de 24% para quem ganha acima do piso, referente ao salário de 31/12/16, tendo como valor mínimo de R$ 345;

  Benefícios 4% a partir de Jul/ 2017;
  PLR R$ 155 pagos em Fev/ 2017, proporcional ao período da admissão;
  Piso experiência R$ 880 por 90 dias;
  6 dias para acompanhamento de 1 filho;
  8 dias para acompanhamento a partir de 2 filhos;
  Reajuste Pro-Rata – Para admitidos após Jan/ 2016. Reajuste proporcional ao tempo de serviço.
DIA NACIONAL DE MOBILIZAÇÃO
Os trabalhadores já demonstraram no último dia 9 de fevereiro, em frente ao prédio da Contax (Borges de Melo), que tem disposição e merecem mais. Muito mais que respeito. O ato se deu devido ao total desinteresse e os adiamentos das empresas em se reunir com a Comissão de Negociação, sem nenhuma justificativa.

O SINTTEL-CE está sendo enfático na necessidade de valorizar o trabalhador e tem mostrado isto às empresas na mesa de negociação e em todos os eventos. Enquanto o SINSTAL (Sindicato patronal) e as empresas insistem em adotar estratégias para coagir os trabalhadores com abonos às vésperas do Carnaval será dificil a aceitação de qualquer proposta. Dessa forma, fica o alerta aos trabalhadores a ficarem atentos aos chamamentos do SINTTEL-CE.
É HORA DE AVALIAR O QUE ESTÁ PROPOSTO, O QUE QUEREMOS E O QUE PODEMOS! 

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

OPERADOR DE TELEMARKETING GANHA MENOS QUE O SALÁRIO MINIMO EM FORTALEZA - Janeiro e Fevereiro de 2017.

  • O operador de telemarketing (ou atividade semelhante de teleatendimento...) pode ganhar menos do que o salário mínimo?


NÃO, segundo entendimento de parte dos Tribunais do Brasil.


  • Por quê algumas empresas pagam menos que o salário minimo?

Porque há um entendimento segundo o qual o salário mínimo é proporcional ao tempo trabalhado. Portanto, segundo estas empresas, se o operador trabalha 6h, terá direito ao salário mínimo, porém reduzido, pois trabalha menos que 8h/dia.

Ocorre que este entendimento vem sendo superado. Isso porque o operador de telemarketing trabalha 6h/dia por determinação da NR 17, bem como da Convenção Coletiva da Categoria. Em outras palavras, não é permitido, ao operador, trabalhar 8h/ dia.

As decisões, ainda, consideram que a redução da jornada de trabalho ocorre porque é um trabalho mais penoso que os demais, de modo que, na prática, "é como se o operador trabalhasse 8h/dia". A redução da jornada, então, visa compensar um trabalho mais penoso.

Diante desse cenário, não faz nenhum sentido pagar salário mínimo proporcional as horas trabalhadas (6h/dia), motivo pelo qual os juizes vem condenando as empresas a pagarem o salário mínimo legal.


  • Como os juízes vem decidindo?


"OPERADOR DE TELEMARKETING - SALÁRIO MÍNIMO. O exercente da função de operador de telemarketing faz jus ao salário mínimo legal, em sua integralidade, ao cumprir a jornada máxima de seis horas, prevista na NR 17, aprovada pela Portaria nº 3.751/90 do Ministério do Trabalho". (TRT-5 - RecOrd: 00005561020125050004 BA 0000556-10.2012.5.05.0004, Relator: IVANA MÉRCIA NILO DE MAGALDI, 1ª. TURMA, Data de Publicação: DJ 19/12/2013.)


E mais:


"RECURSO ORDINÁRIO. OPERADORA DE TELEMARKETING. JORNADA REDUZIDA DE 36 HORAS SEMANAIS. SALÁRIO MÍNIMO PROPORCIONAL. IMPOSSIBILIDADE. Evidenciado nos autos que a autora desempenhava a função de operadora de telemarketing, categoria profissional que por força do disposto no item 5.3, do Anexo II, da NR-17 e, ainda, das Normas Coletivas anexadas pela própria empresa, tem jornada reduzida de 6 horas diárias e 36 semanais, a qual, no seu caso, era a jornada máxima permitida pelo ordenamento jurídico, eis que mais penosa, equivalente, pois, àquela referente aos demais empregados que trabalhavam 8 horas diárias e 44 semanais. Inexistia, portanto, supedâneo jurídico para que a empregadora remunerasse a demandante a partir de uma proporção com a jornada normal de 8 horas diárias e 44 semanais. Tal proporção, no caso da recorrida, apenas seria possível, acaso ela cumprisse, por exemplo, jornada de 5 ou 4 horas diárias de labor, em relação à jornada normal, que, no tocante à mesma, era de ..." (TRT-6 889572011506 PE 0000889-57.2011.5.06.0007, Relator: Valdir José Silva de Carvalho, Data de Publicação: 08/10/2012)



  • Tenho direito ao salário mínimo nacional ou estadual?

Essa é outra questão importante que envolve esse tema.

Pois bem...

A Lei Estadual determina EXPRESSAMENTE que o salário mínimo estadual se aplica aos operadores de telemarketing, portanto, o salário mínimo aplicável ao operador de telemarketing é o MAIS BENÉFICO para o trabalhador, em razão do princípio protetor do trabalhador (Princípio de Direito do Trabalho que considera aplicável a norma mais benéfica ao trabalhador).


  • O que isso quer dizer?

Caso o salário mínimo estadual seja superior ao mínimo nacional, então, aplica-se o salário mínimo estadual.

É o caso, por exemplo, do Estado de São Paulo.

Neste sentido, tem decidido os Tribunais:

"PISO SALARIAL ESTADUAL. VIGÊNCIA. Considerando a previsão expressa para que incida o salário mínimo paulista à categoria dos operadores de telemarketing, argumento aliado às especificidades do mercado de trabalho regional, de rigor a aplicação da Lei Estadual 13.485/09" (TRT-2 - RO: 00012288520125020041 SP 00012288520125020041 A28, Relator: SERGIO WINNIK, Data de Julgamento: 20/08/2013,  4ª TURMA, Data de Publicação: 30/08/2013)