Bem Vindo

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

135 mm em Fortaleza - Chuva Muita Chuva - Súplica Cearense

A primeira forte chuva do ano na Capital, com relâmpagos e trovões, inundou casas e abriu crateras. Segundo a Fundação Cearense de Meterologia, das 7 da manhã de terça-feira até às 7 horas da manhã de ontem, choveu 135 mm em Fortaleza. Durante a chuva, que ainda nem faz parte do período chuvoso de 2011, a Defesa Civil registrou 122 ocorrências - 90 vias ficaram alagadas. Quatro crateras se abriram e seis comunidades foram inundadas, além de um desabamento de teto e outros 21 riscos de desabamento.

As casas ao lado do riacho Maceió estão entre as mais prejudicadas. Além do lixo no córrego, que contribuiu para o avanço da água e inundações, há uma obra do Programa de Drenagem Urbana (Drenurb) da Prefeitura na avenida Abolição. Por conta da obra, uma parede de contenção foi colocada no canteiro da via. Apenas o sentido Centro-Mucuripe estava liberado. Na madrugada, quando as casas começaram a ser inundadas, moradores quebraram parte do asfalto para fazer a água escoar. “Era o desespero”, dizia um dos moradores.

Com o lixo entupindo o bueiro do riacho e parte do asfalto quebrado, uma enorme cratera se abriu, de uma ponta a outra da Abolição, impedindo o trânsito. Por nota, o Drenurb informou que a estrutura do bueiro não sofreu prejuízo algum e o incidente não deve atrasar a obra. O tráfego no local está bloqueado nos dois sentidos da Manuel Jesuíno até a rua Juvêncio Vasconcelos. A previsão é que seja liberado no sábado.


Suplica Cearense Luiz Gonzaga
Súplica Cearense
Gordurinha & Nelinho

Oh! Deus, perdoe este pobre coitado
Que de joelhos rezou um bocado
Pedindo pra chuva cair sem parar

Oh! Deus, será que o Senhor se zangou
E só por isso o sol se arretirou
Fazendo cair toda chuva que há

Senhor, eu pedi para o sol se esconder um tiquinho
Pedi pra chover, mas chover de mansinho
Pra ver se nascia uma planta no chão

Meu Deus, se eu não rezei direito o Senhor me perdoe,
Eu acho que a culpa foi
Desse pobre que nem sabe fazer oração

Meu Deus, perdoe eu encher os meus olhos de água
E ter-lhe pedido cheinho de mágoa
Pro sol inclemente se arretirar

Desculpe eu pedi a toda hora pra chegar o inverno
Desculpe eu pedir para acabar com o inferno
Que sempre queimou o meu Ceará

http://www.vagalume.com.br/luiz-gonzaga/suplica-cearense.html#ixzz1AGXJdK4y

http://www.opovo.com.br/app/opovo/fortaleza/2011/01/06/noticiafortalezajornal,2086363/135-milimetros-de-destruicao-na-capital.shtml

video

Video: Edimar Bento

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.